Acupuntura e dor lombar

Dor lombar

A dor lombar crônica também conhecida como lombalgia é a segunda doença de maior incidência mundial, perdendo apenas para resfriado. É uma dor que começa abaixo do tórax, especificamente entre a última costela e a prega das nádegas. 

É uma síndrome com várias causas, podendo ser decorrentes de problemas no músculo, ossos, disco e das articulações, e com a possibilidade de se tornar crônica quando ultrapassa três meses de duração.


Acupuntura para dor lombar


Todos os conceitos da terapia tradicional chinesa sobre "doenças" (diagnóstico e tratamento) são diferentes do pensamento científico e médico Ocidental. 

Seguindo os ensinamentos chineses, a região lombar é a "moradia dos Rins (Shen)" e a maioria das lombalgias crônicas estão relacionadas com o desequilíbrio das funções Yin/Yang dos Canais de Energia do Shen (Rim), Pang Guan (Bexiga) e as Síndromes de
  • Deficiência do Qi do Shen (Rim) 
  • Qi Estagnado no Pang Guang (Bexiga) seja por ataque de Vento, Umidade ou outros Excessos de origem externa 
Para definir qual Síndrome está relacionada com aquele indivíduo é realizado um diagnóstico específico para acupuntura, seguindo os ensinamentos tradicionais chineses.

O tratamento terapêutico visa restaurar o equilíbrio energético de Qi  para tratar a Síndrome e aliviar os sintomas de dor, por meio de técnicas tradicionais como acupuntura, moxabustão, ventosaterapia, auriculoterapia, eletro-acupuntura e/ou Qigong (exercícios terapêuticos orientais)

É possível utilizar medicamento ou outra terapia com acupuntura?
Sob o ponto de vista da medicina tradicional chinesa, nada impede a associação de medicamentos alopáticos, homeopáticos ou de outras terapias com a acupuntura. 

Auriculoterapia para dor lombar

A acupuntura auricular (auriculoterapia) constitui uma técnica terapêutica chinesa e uma especialidade da acupuntura. Ela utiliza especificamente o pavilhão auricular (orelha) para obter efeitos terapêuticos.

O efeito de aliviar dor (aguda e crônica) é a principal indicação da auriculoterapia. 



_____________________________________________________


Maiores informações, acesse: